Crianças e a natureza: principais benefícios de crescer em contacto com o meio ambiente

O tema deste mês é dedicado aos benefícios de estar em contacto com a natureza desde a infância e a importância de trabalharmos no sentido de ter um futuro em que as novas gerações possam desfrutar tanto da natureza como nós.

Os hábitos de vida da nossa sociedade atualmente estão a limitar a nossa conexão com a natureza, não só na nossa vida adulta, mas também durante a infância. Isto é especialmente preocupante quando acontece durante a infância, vários estudos demonstram que a falta de contacto com o meio ambiente está ligada a certos transtornos físicos e psicológicos, como a hiperatividade, o stress e o sobrepeso. Já em 2008, o jornalista e escritor Richard Louv, no seu livro “Last Child in the Woods” (A última criança dos bosques), cunhou o termo Transtorno por Deficit de Natureza como forma de se referir às consequências provocadas por esta falta de conexão e deu lugar a um movimento que planta a necessidade de contacto direto e conexão com o meio ambiente.

Muitos estudos de várias áreas demonstraram já os benefícios do contacto direto com a natureza, como por exemplo, a melhoria de problemas de conduta e o aumento da capacidade de reflexão e concentração. Tem também um efeito positivo na capacidade de enfrentar situações negativas ou combater o cansaço psicológico, os traumas e o stress. As atividades em zonas verdes também diminuem o Transtorno por Deficit de Atenção e a Hiperatividade (TDAH). Para além disto, este vínculo afetivo com a natureza, principalmente durante a infância, é chave no compromisso das pessoas com o meio ambiente.

Do ponto de vista educativo, foram também numerosos os estudos que demonstraram que a natureza melhora a capacidade de aprendizagem, não só por se tratar de um ambiente favorável, mas também porque tem efeitos muito positivos na competência de atenção e motivação dos alunos. Para além disso, oferece ainda muitos benefícios para o desenvolvimento pessoal, o que os ajudará na sua fase adulta, como a perseverança, o pensamento crítico ou o trabalho em equipa.

Mais do que uma moda passageira, o contacto com a natureza é uma verdadeira necessidade para a espécie humana, que deve ser transmitida às novas gerações.

Como promover o respeito pela natureza? Com jogos!

Felizmente, cada vez mais ganhamos consciência da importância do respeito e preservação da natureza. São muitas as pessoas que nos instigam a fazê-lo e é já senso comum cuidar do local onde vivemos e fazer tudo ao nosso alcance para conservar a sua beleza natural. Como pais, podemos também contribuir para a sua conservação ao ensinar os nossos pequenitos a gostar dela, a respeitá-la e a protege-la de formas diferentes. A primeira é, por exemplo, a reciclagem, separar os produtos biodegradáveis, dar preferência a empresas que sejam respeitadoras do meio ambiente, etc.

LER MAIS…

Como aproximar as crianças da natureza?

Uma história que se repete a cada ano escolar e com cada vez mais frequência em zonas urbanas, é ouvir as respostas dos pequenitos face à proveniência das verduras, frutas ou legumes: respondem que vêm do frigorífico ou do supermercado, e não é uma perceção errada sendo que a estão a basear na sua própria experiência. É por isso que devemos, como educadores, aumentar as experiências que os ajudem a entender a origem das coisas.

LER MAIS…

Compartilhar em:
Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *