Com a comida não se brinca… ou brinca?

De certeza que já alguma vez ou viu a expressão “com a comida não se brinca”, não é? Era isso que os nossos pais ou avós costumavam dizer, quando estávamos cansados de comer ou não gostávamos de alguma comida, e em vez de a comer, brincávamos com ela.

Esta frase também tem outro significado, um pouco mais filosófico mas muito importante: a comida é um recurso limitado no nosso mundo e, como tal, devemos exigir às instituições um sentido de responsabilidade relativamente a esta. Com as políticas que afetam a criação, distribuição e desperdício da comida, “não se brinca” com esta, se queremos um mundo realmente mais justo e responsável.

Mas, ainda que estejamos 100% de acordo com todas estas afirmações, queremos acrescentar uma exceção a esta frase: com a comida pode-se brincar se esta forum brinquedo. Parece óbvio, não é verdade? No entanto, explicamos-lhe melhor: o jogo simbólico é uma ótima ferramenta para ajudar as crianças a compreender o seu meio envolvente, a desenvolver a linguagem, a ser criativas e imaginativas, a abordar situações stressantes e a desenvolver-se emocionalmente. Os brinquedos que representam a preparação dos alimentos e o ato de comer são parte deste jogo simbólico. Além disso, brincar com eles ajuda as crianças a conhecer melhor a comida, a respeitá-la e a valorizá-la.

Frutas e legumes de brincar

As frutas e os legumes são, por exemplo, um tipo de alimentos que desperta desconfiança entre algumas crianças. Caixas de frutas e legumes como esta, da Djeco, introduzem os vegetais na brincadeira do seu dia a dia, além de ser um complemento perfeito para qualquer cozinha ou mercado de brincar.

Este tipo de brinquedos podem ser de muitos materiais diferentes: plástico, madeira, feltro… O nosso Saco de tecido com frutas elegumes reproduz um saco de compras, em que todos os alimentos comprados são vegetais, para ter uma dieta saudável: maçãs, tomates, morangos, alperces, cenouras, alfaces, peras, pepinos, ameixas, uvas, milho, bananas, limões, batatas, cebolas… Estes alimentos são feitos de plástico não tóxico e têm as dimensões perfeitas para que as crianças possam pegar nelas com as suas mãos.

Outra ideia muito parecida, ainda que neste caso de madeira, é a da Janod como seu Conjunto 24 frutas elegumes de madeira. Todas as suas peças são feitas de madeira de alta qualidade e são muito resistentes e duradouras.

Mas, uma vez compradas todas as frutas e legumes, o que se pode preparar? Uma das opções mais refrescantes para estes dias de calor é uma boa salada. O nosso Kit de salada fresca permite-nos combinar alface, tomate, pepino, cenoura, pimento… misturá-los e servi-los em taças individuais. Um brinquedo que não só gera interesse pelos alimentos frescos, mas também melhora a coordenação da motricidade fina.

Uma dieta que inclui todo tipo de comida!

Mas não nos podemos alimentar só de fruta e legumes: uma dieta equilibrada deve incluir uma grande quantidade de alimentos que nos ajudam a conseguir todos os nutrientes necessários para o corpo. Para isso, recomendamos também complementar os kits anteriores com packs de comida de brincar como este da Hape, que inclui muitos alimentos de brincar como iogurtes, sumos, leite, ovos ou queijo.

E, de vez em quando, as crianças podem dar-se a um capricho. Como estes cachorros quentes e hambúrgueres de brincar, também da marca Hape. Irresistíveis!

E lembre-se: brincar com a comida (às vezes) pode ter grandes benefícios!

Compartilhar em:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *